ObservaCult seleciona bolsistas de extensão para projetos

Faça-pelas-meninas-4.png

O Observatório de Políticas Culturais (ObservaCult/NUPLAR/PROEX), da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), informa que estão abertas as inscrições para a seleção de bolsistas remunerados\as e voluntários\as referentes aos projetos de Extensão “UFPB, no combate à COVID-19: rumos da dança e da produção de eventos de forró em João Pessoa durante a pandemia”, coordenado pelo Prof. Dr. Djanilson Amorim da Silva (Ninno Amorim- CCHLA) e “Os Paradoxos Atuais da Liberdade de Expressão”, coordenado pela Profª Dr.ª Renata Ribeiro Rolim (CCJ), aprovados pelo Edital PROBEX 03\2021. Os projetos contam com 1 (uma) vaga para os cursos de Ciências Sociais, Educação, História e Psicologia e 1 (uma) vaga para os cursos de Direito e Comunicação (Jornalismo, Rádio e TV, Relações Públicas e Mídias Digitais), respectivamente.

As inscrições estarão abertas entre os dias 28 e 30 de abril, para registro de interesse através do SIGAA. O desenvolvimento de todas as etapas de seleção vai até o dia 10\05\2021, com resultado final dia 12\05\2021.

Para acesso aos editais, acesse o link: www.bit.ly/observacult2021

Conheça os projetos:

UFPB, no combate à COVID-19: rumos da dança e da produção de eventos de forró em João Pessoa durante a pandemia


Resumo: 
O projeto “UFPB no combate à COVID-19: rumos da dança e da produção de eventos de forró em João Pessoa durante a pandemia” visa a acompanhar a realidade social de agentes envolvidos no campo do ensino da dança de forró e no campo da produção de eventos de forró. O público são docentes, estudantes, gestores de políticas públicas, produtores culturais, artistas e demais pessoas e organizações da área do forró. A situação desencadeada pela pandemia da Covid-19 promoveu uma alteração sem precedentes na vida dessas pessoas que necessitam do espaço da festa para conseguir seu sustento. A importância da realização deste projeto está na necessidade urgente de conhecermos essa realidade para poder atuar na sua transformação de forma responsável e de acordo com as demandas do público atendido. As atividades serão desenvolvidas em formato de entrevistas pessoais e coletivas, num primeiro momento, para em seguida partirmos para a proposição de ações que venham a amenizar os danos sofridos por essas pessoas, sejam materiais ou emocionais.

Acesse o projeto completo AQUI.

Os Paradoxos Atuais da Liberdade de Expressão

Resumo: O projeto de extensão “Paradoxos Atuais da Liberdade de Expressão”tem como objetivo realizar seminário nacional virtual com a finalidade de estabelecer efortalecer vínculos duradouros entre pesquisadores, juristas, comunicadores e organizaçõesparaibanas, nacionais e internacionais que tratam da temática. A elaboração desse semináriojustifica-se pelo aumento dos ataques à liberdade de expressão no país, assim como pelacompleta ausência de segurança jurídica a respeito deste tema. A necessidade de se debatersobre sobre essa liberdade democrática fundamental é demonstrada pela importância dasinstituições que apoiam este projeto: a Associação Brasileira de Imprensa, o Fórum Nacionalpela Democratização da Comunicação, o Movimento Nacional dos Direitos Humanos, asONGs Artigo 19 e Intervozes, além de observatórios de comunicação da UFPE, o Centro deReferência em Direitos Humanos da UFERSA e o Observatório Latino Americano deComunicação, Mídias e Direitos Humanos. É relevante considerar que este projeto é tambémfruto de projeto de extensão do ano passado – que se chamou “Os desafios atuais da liberdadede expressão artística” – cuja execução foi fundamental para acumular experiência teórico eprática nesse tema. Para alcançar nosso objetivo principal 1) daremos continuidade ao estudosobre a censura e a liberdade de expressão; 2) faremos pesquisas com os parceiros do projetocomo partida para levantar os pontos em comum e construir os temas e o formato doseminário; 3) divulgaremos o seminário nacional nas redes sociais da forma mais amplapossível. Como resultados esperamos: 1) a realização do seminário virtual nacional”Paradoxos Atuais da Liberdade de Expressão”; 2) a formação de professores, estudantes e dopúblico em geral nos paradoxos da liberdade de expressão; 3) a publicação das falas dospalestrantes em formato de livro, que terá também um balanço geral a ser escrito pela equipeexecutora. Temos certeza que a iniciativa da UFPB em promover um seminário nacionalacerca da liberdade de expressão coloca a instituição em destaque no cenário da extensão e,logo, do diálogo com a sociedade.

Acesse o projeto completo AQUI.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

scroll to top