Carnaval Tradição é tema de debate e Malandros do Morro se apresenta em live-show

Cartaz-Aqui-tem-carnaval.png

O Cherimbom Comidas Regionais, espaço cultural, musical e gastronômico criado em 2004, anuncia o início do projeto “Cenários do Patrimônio Cultural”, aprovado pelo edital de subsídio a espaços e empreendimentos culturais da Fundação Cultural de João Pessoa (Funjope), financiado com recursos da Lei Aldir Blanc. O Observatório de Políticas Culturais da Paraíba (ObservaCult) e parceiro do projeto através da linha de pesquisa em Patrimônio Cultural, Diversidade e Territórios.

Realizado como contrapartida social ao subsídio fomentado, o projeto consiste numa série de programações trazendo o tema do patrimônio cultural como fio condutor de debates e apresentações artísticas. O primeiro encontro ocorrerá no próximo sábado (20/02), às 16h, nos canais e redes sociais do Cherimbom (@cherimbomcomidasregionais), sob o tema “Aqui tem Carnaval: festa, tradição e identidade no carnaval de João Pessoa” e contará com representações do Carnaval Tradição, trazendo agremiações carnavalescas das Tribos de Índios, Ala Ursas e Escolas de Samba da cidade. O bate-papo será seguido da apresentação musical da Escola de Samba Malandros do Morro. Para assistir, acesse as redes sociais do Cherimbom: Facebook | Youtube | Instagram

 

Ao longo de cinco encontros, todos transmitidos pelas redes sociais do Cherimbom, serão abordados temas como o carnaval tradição e a diversidade cultural, sabores e saberes da gastronomia regional, a presença das mestras na cultura popular, pontos de cultura na cidade de João Pessoa e o forró como patrimônio cultural brasileiro. A cada encontro, as conversas refletirão sobre saberes tradicionais, expressões culturais populares, lugares de referência, celebrações, festas e pessoas de referência do patrimônio cultural paraibano e pessoense.

 

“Aqui tem carnaval”

 

Iniciando em fevereiro, o projeto apresenta como tema do primeiro debate o Carnaval Tradição de João Pessoa, trazendo os brincantes Gilson e Atagan, da Agremiação Carnavalesca Tribo Indígena Tupinambá, do bairro de Mandacaru, Seu Ramos, da Ala Ursa Sem Lenço e Sem Documento, do bairro do Róger, e Romero, da Escola de Samba Malandros do Morro, do bairro da Torre. Após o bate-papo, a bateria da Escola de Samba Malandros do Morro apresenta-se ao vivo, atendendo a todos os protocolos de segurança e transportando a alegria de seu carnaval para as ondas da web.

Para a antropóloga Jessyca Marins, especialista em patrimônio cultural e coordenadora adjunta da linha de pesquisa em Patrimônio Cultural, Diversidade e Territórios do ObservaCult, “o Carnaval é um dos maiores símbolos da nossa identidade nacional. Em João Pessoa existe uma forte visibilidade para o período que antecede o carnaval, mas, por outro lado, também vemos a negação e invisibilidade do Carnaval Tradição. É muito comum ouvir que em João Pessoa não existe carnaval, no entanto, essa festa se faz presente na cidade há pelo menos cem anos e se revela como uma festa extremamente potente, diversa e de muita identidade”.

E complementa: “uma festa feita pelo povo, e que, mesmo diante de todas as dificuldades, resiste e é reinventada anualmente pelos seus foliões, que buscam um momento de magia e de reconhecimento do trabalho de um ano inteiro, onde todo esforço direcionado para essa festa é recompensado no desfile na Av. Duarte da Silveira”. Mas apesar do cenário de exclusão e falta de investimento, “é no desfile, com o bloco na rua, que esses brincantes se tornam as grandes estrelas da noite”, finaliza a pesquisadora e coordenadora do projeto.

 

SERVIÇO
Cenário do Patrimônio Cultural
Bate-papo: “Aqui tem Carnaval: festa, tradição e identidade no carnaval de João Pessoa”
Data: 20/02
Horário: 16h
Local: Canal @cherimbomcomidasregionais no Youtube, Facebook e Instagram
Acesse: Facebook | Youtube | Instagram

Patrocínio:
Fundação Cultural de João Pessoa
Prefeitura Municipal de João Pessoa
Lei Aldir Blanc

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

scroll to top